Igreja de
Sao Joao Batista

Rua São João, 1363
Lagoa Seca, Natal/RN.

Igreja de
Santo Antonio

Av. Sen. Salgado Filho
Lagoa Nova, Natal/RN.

Igreja do
Cristo Redentor

Rua da Aurora, 62
Lagoa Nova, Natal/RN.

Igreja de
N. Sra. do Monte Libano

R Dr. José Borges, 1483
Lagoa Nova, Natal/RN.

PROGRAMA   MANHÃ COM DEUS   TODOS  OS  DOMINGOS  |  RÁDIO  87,9FM.

Tenha um domingo diferente! Sintonize seu Rádio no Canal 87,9FM e participe do Programa "Manhã com Deus", tocando o seu coração!

HORÁRIO: 10h às 12h30      |       RÁDIO: 87,9FM NATAL       |       TEL.: (84) 3605-6029 / 2010-8700       |       LOCUTOR: Jailson Santos

 

FORMAÇÃO LITÚRGICA

FACILITADORA
Janaína

TEMA VESTES LITÚRGICAS
DATA/HORA 21 de agosto às 19h30
LOCAL Salão Paroquial Igreja Matriz de SJB

 

Artigos em Destaque

04.MAI - São Ciríaco (século IV)

Bispo e mártir (século IV)

Segundo um antigo texto da tradição cristã, do século IV, um hebreu de nome Judas teria ajudado nos trabalhos para encontrar a cruz de Cristo na cidade de Jerusalém, promovidos pelo bispo e pela rainha Helena, que era cristã e mãe do então imperador Constantino. Esse hebreu se converteu e se tornou um sacerdote, tomando o nome de Ciríaco, que em grego significa 'Patrício', nome comum entre os romanos.

Mais tarde, após ter percorrido as estradas da Palestina, ele foi eleito bispo de Jerusalém, e aí teria sido martirizado, junto com sua mãe, chamada Ana, durante a perseguição de Juliano, o Apóstata.

Essa seria a história de são Ciríaco, que comemoramos hoje, não fosse a marca profunda deixada por sua presença na cidade italiana de Ancona, em Nápoles. A explicação para isto encontra-se no Martirológio Romano, que associou os textos antigos e confirmou sua presença em ambas as cidades. A conclusão de sua trajetória exata é o que veremos a seguir.

Logo que se converteu, para fugir à hostilidade dos velhos amigos pagãos, Ciríaco teria abandonado a Palestina para exilar-se na Itália, fixando-se em Ancona. Nessa cidade ele foi eleito bispo, trabalhando, arduamente, para difundir o cristianismo, pois o Edito de Milão dava liberdade para a expansão da religião em todos os domínios do Império.

Após uma longa vida episcopal, Ciríaco, já idoso, fez sua última peregrinação à cidade de Jerusalém, onde fora bispo na juventude, para rever os lugares santos. E foi nesse momento que ele sofreu o martírio e morreu em nome de Cristo, por ordem do último perseguidor romano, Juliano, o Apóstata, entre 361 e 363.

Os devotos dizem que suas relíquias chegaram ao porto de Ancona trazidas pelas ondas do mar. Essa tradição é celebrada, no dia 4 de maio, na catedral de Ancona, onde são distribuídos maços de junco benzidos.

Na realidade, as relíquias de são Ciríaco retornaram à cidade durante o governo do imperador Teodósio, entre 379 e 395, graças à sua filha, Gala Plácida, que interveio favoravelmente junto às autoridades, conseguindo o que a população de Ancona tanto desejava.

A memória desse culto antiquíssimo a são Ciríaco pode ser observada pelos monumentos, das mais remotas épocas, que existem, em toda a cidade, com a imagem do santo. Aliás, são Ciríaco foi escolhido como o padroeiro de Ancona e a própria catedral, no século XIV, foi dedicada a ele, mudando até o nome. Essa majestosa igreja, que domina a cidade do alto das colinas do Guasco, é vista por todos os que chegam em Ancona por terra ou por mar, mais um tributo à são Ciríaco, por seu exílio e vida episcopal.

Texto: Paulinas Internet
Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Versículo do Dia

Informações


+ Rua São João, 1363, Lagoa Seca, Natal/RN.

+ Tel.: (84) 3615-2871

+ pascom@paroquiasaojoaonatal.org.br

+ Pároco: Pe. Marcelo C. Cruz

+ Secretaria: 08h às 11h | 13h30 às 17h30

Link's Úteis

Arquidiocese de Natal CNBB Vaticano
 Biblia Catolica Radios Net  Radio Sao Joao

 

!-- Piwik -->