Igreja de
Sao Joao Batista

Rua São João, 1363
Lagoa Seca, Natal/RN.

Igreja de
Santo Antonio

Av. Sen. Salgado Filho
Lagoa Nova, Natal/RN.

Igreja do
Cristo Redentor

Rua da Aurora, 62
Lagoa Nova, Natal/RN.

Igreja de
N. Sra. do Monte Libano

R Dr. José Borges, 1483
Lagoa Nova, Natal/RN.

PROGRAMA   MANHÃ COM DEUS   TODOS  OS  DOMINGOS  |  RÁDIO  87,9FM.

Tenha um domingo diferente! Sintonize seu Rádio no Canal 87,9FM e participe do Programa "Manhã com Deus", tocando o seu coração!

HORÁRIO: 10h às 12h30      |       RÁDIO: 87,9FM NATAL       |       TEL.: (84) 3605-6029 / 2010-8700       |       LOCUTOR: Jailson Santos

 

FORMAÇÃO DOUTRINÁRIA

FACILITADOR
Edson Costa

TEMA UNITATIS REDINTEGRATIO ORIENTALIUM ECCLESIARUM AD GENTES
DATA/HORA 28 de agosto às 19h30
LOCAL Salão Paroquial Igreja Matriz de SJB

 

Artigos em Destaque

03.JUN - Santos Carlos Lwanga e companheiros (1885-1887)

Mártires de Uganda (1885-1887)

Carlos, criado do palácio do rei Muanga, do antigo reino independente de Buganda (hoje província da República de Uganda), recebeu o batismo durante a evangelização dos padres brancos, ordem fundada pelo cardeal Lavigérie. Era 1885. No ano seguinte ele seria queimado vivo em Nabugongo com outros 12 companheiros, entre guardas reais e pajens, todos jovens.

À grande fogueira de 3 de junho seguiu-se o horrendo massacre iniciado a 15 de novembro de 1885, com a decapitação de José Balikuddembe, mordomo do rei, seguido a breve distância pelo martírio de outros cristãos, horrendamente mutilados. Calcula-se que mais de 100 cristãos foram trucidados de 15 de novembro de 1885 a 27 de janeiro de 1887, dia em que João Maria Muzey foi decapitado e lançado em um pântano.

Hoje o calendário comemora 22 mártires de Uganda, beatificados por Bento XV a 6 de junho de 1920, e canonizados por Paulo VI a 8 de outubro de 1964.

Os padres brancos haviam iniciado a evangelização do país em junho de 1879, inicialmente bem acolhidos pelo próprio rei Mutesa e pelo jovem sucessor, o rei Muanga. Este, porém, se deixou logo influenciar pelo chanceler do reino e pelos chefes tribais. Mudada a atitude favorável em relação aos cristãos, o rei ordenou a supressão deles e não hesitou em matar alguns com as próprias mãos.

Aos 22 santos ugandenses foi erigido em Namugongo um grande santuário, consagrado por Paulo VI durante sua viagem a Uganda, em julho de 1969. Seus nomes: Aquiles Kiwanuta, clérigo; Adolfo Mukasa, Ambrósio Kibuka e Anatólio Kiriggwajjo, pajens do rei; André Kaggwa, maestro; Atanásio Bazzekuketta, guardião do real tesouro; Bruno Seronkuma, soldado; Dionísio Sebuggwawo, trespassado pelo rei porque surpreendido enquanto ensinava o catecismo; Tiago Buzabaliawo, soldado; José Mukasa, mordomo do rei; Gonzaga Gonza e Kizito, de 14 anos, o mais jovem dos mártires; Lucas Banabakintu e Matias Kelemba Murumba, muçulmano convertido ao cristianismo; Matias Mulumba, chefe tribal; Mbaga Tuzindé, pajem do rei, filho adotivo do carrasco; Mugagga e Noé Magwall, oleiro; Ponciano Ngondwé, guarda real; e mais os já citados João Maria Muzey, José Balikuddembe e Carlos Lwanga (que o papa Pio XI, em 1934, designou como padroeiro da juventude da África cristã).

Retirado do livro: 'Os Santos e os Beatos da Igreja do Ocidente e do Oriente', Paulinas Editora.
Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Versículo do Dia

Informações


+ Rua São João, 1363, Lagoa Seca, Natal/RN.

+ Tel.: (84) 3615-2871

+ pascom@paroquiasaojoaonatal.org.br

+ Pároco: Pe. Marcelo C. Cruz

+ Secretaria: 08h às 11h | 13h30 às 17h30

Link's Úteis

Arquidiocese de Natal CNBB Vaticano
 Biblia Catolica Radios Net  Radio Sao Joao

 

!-- Piwik -->