Igreja de
Sao Joao Batista

Rua São João, 1363
Lagoa Seca, Natal/RN.

Igreja de
Santo Antonio

Av. Sen. Salgado Filho
Lagoa Nova, Natal/RN.

Igreja do
Cristo Redentor

Rua da Aurora, 62
Lagoa Nova, Natal/RN.

Igreja de
N. Sra. do Monte Libano

R Dr. José Borges, 1483
Lagoa Nova, Natal/RN.

PROGRAMA   MANHÃ COM DEUS   TODOS  OS  DOMINGOS  |  RÁDIO  87,9FM.

Tenha um domingo diferente! Sintonize seu Rádio no Canal 87,9FM e participe do Programa "Manhã com Deus", tocando o seu coração!

HORÁRIO: 10h às 12h30      |       RÁDIO: 87,9FM NATAL       |       TEL.: (84) 3605-6029 / 2010-8700       |       LOCUTOR: Jailson Santos

 

FORMAÇÃO LITÚRGICA

FACILITADORA
Janaína

TEMA VESTES LITÚRGICAS
DATA/HORA 21 de agosto às 19h30
LOCAL Salão Paroquial Igreja Matriz de SJB

 

Artigos em Destaque

3ª-feira, 28 de Março, 4ª Semana da Quaresma

Primeira Leitura: Ez 47,1-9.12

Naqueles dias: 1 O homem fez-me voltar à entrada do Templo e lá vi uma corrente de água que brotava sob a soleira da Casa e corria para o oriente, pois a fachada do Templo estava voltada para o oriente. A água vinha de debaixo do lado direito do Templo, ao lado sul do altar. 2 Ele levou-me pelo pórtico setentrional e fez-me girar por fora, para o pórtico externo, voltado para o oriente, e eis que a água escorria do lado direito.

3 O homem saiu em direção ao leste, com o cordão de medição na mão, e mediu mil côvados. Depois, fez-me atravessar a água, que chegava até os tornozelos. 4 Mediu mais mil côvados e fez-me atravessar a água, que atingia os joelhos. Mediu mais mil côvados e fez-me atravessar a água, que atingia a cintura. 5 Mediu mais mil côvados e aí já era um rio impossível de se atravessar, pois a água era profunda demais. Era água em que se podia nadar, uma torrente impossível de se atravessar a pé. 6 Disse-me então: “Viste, filho do homem?” E conduziu-me de volta ao longo da margem do rio. 7 Ao voltar, vi grandes árvores sobre ambas as margens do rio. 8 E disse-me o homem: “Esta água escorre para o distrito oriental e de lá desce para o vale do Jordão. Quando as águas chegarem ao mar em uma água corrompida, estas se tornarão saudáveis. 9 Acontecerá que, em qualquer parte aonde chegar este rio, qualquer ser que por lá se movimente conservará a vida. Haverá grande quantidade de peixes, pois aonde o rio chega traz a saúde, e tudo que entra em contato com ele conservará a vida.12 E sobre ambas as margens do rio crescerão árvores frutíferas das mais variadas espécies, cujas folhas não murcharão e cujos frutos nunca acabarão; amadurecerão de mês em mês, pois aquelas águas vêm do Santuário. Os frutos servirão de alimento e as folhas de remédio”.


Salmo: Sl 45, 2-3. 5-6. 8-9 (R. 8)

R. Conosco está o Senhor do Universo! O nosso refúgio é o Deus de Jacó.

2 Deus é nosso refúgio e fortaleza, socorro permanente em nossa angústia. 3 Se a terra estremecer, não temeremos; nem se dentro do mar ruem montanhas.

5 A cidade de Deus um rio alegra, o santuário do Altíssimo ele abraça. 6 Quem a pode abalar? Deus nela habita: antes do amanhecer ele a socorre.

8 Eis que o Deus de Israel está conosco; é o Deus de Jacó nosso refúgio! 9 Oh, vinde ver as obras do Senhor, que espalhou pela terra os seus prodígios.


Evangelho: Jo 5,1-16

1 Depois disso, ocorrendo uma festa dos judeus, subiu Jesus até Jerusalém. 2 Existe em Jerusalém, próximo à Porta das Ovelhas, uma piscina chamada, em hebraico, Betezatá, com cinco colunatas. 3 Debaixo delas ficava uma multidão de doentes, cegos, coxos, mutilados que esperavam a agitação da água, 4 pois em dados momentos o anjo do Senhor descia à piscina; a água se agitava e o primeiro que lá entrava, depois que a água borbulhava, ficava curado, fosse qual fosse a sua doença. 5 Ora, encontrava-se ali um homem que estava doente havia trinta e oito anos: 6 Quando Jesus o viu estendido e, sabendo que havia muito tempo que estava naquela situação, perguntou-lhe: “Queres sarar?”. 7 O doente respondeu: “Senhor, não tenho ninguém que me faça mergulhar na piscina quando borbulham as águas. Quando chego, outro já desceu antes de mim!”. 8 Jesus lhe disse: “Levanta-te, apanha teu leito e anda”. 9 No mesmo instante o homem ficou curado. Apanhou seu leito e começou a andar. 10 Era sábado. Por isso, os judeus disseram ao que tinha sido curado: “É sábado. Não te é permitido carregar o leito”. 11 Ele se desculpou: “O que me curou ordenou também que eu pegasse o leito e andasse”. 12 Perguntaram-lhe: “Quem foi o homem que te disse: ‘Toma teu leito e anda?’”. 13 O que tinha sido curado não sabia quem era, porque Jesus tinha desaparecido na confusão que havia ali. 14 Mais tarde, Jesus o encontrou no Templo e lhe disse: “Vê, ficaste curado. Não peques mais, para que te não aconteça coisa pior”. 15 O homem saiu e foi avisar aos judeus que era Jesus quem o havia curado. 16 Por isso os judeus perseguiam Jesus, porque fazia coisas assim no dia de sábado.

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Versículo do Dia

Informações


+ Rua São João, 1363, Lagoa Seca, Natal/RN.

+ Tel.: (84) 3615-2871

+ pascom@paroquiasaojoaonatal.org.br

+ Pároco: Pe. Marcelo C. Cruz

+ Secretaria: 08h às 11h | 13h30 às 17h30

Link's Úteis

Arquidiocese de Natal CNBB Vaticano
 Biblia Catolica Radios Net  Radio Sao Joao

 

!-- Piwik -->