Compromisso cristão; unidade dos cristãos.

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Queridos irmãos e irmãs, movidos pelo amor e impulsionados pela misericórdia de Deus, paramos para refletir a palavra que Deus nos dirige neste quinto domingo do tempo comum, em que o nosso único e suficiente salvador, Jesus Cristo, por meio de duas metáforas nos ensina a viver a vida e alicerçar a fé.

Disse Jesus: "vós sois o sal da terra; vós sois a luz do mundo". Quais ensinamentos Jesus Cristo quis nos transmitir com as duas metáforas que utilizou?

Logo após as bem-aventuranças, para fazer com os discípulos compreendessem e vivessem melhor o projeto de santidade que Ele apresentou, Jesus se utilizam então das duas metáforas.

Ser sal da terra, tem dois significados para nós, cristãos. O primeiro é conservar. Nós utilizamos o sal para conservar. E o segundo é para dar sabor. Quando Jesus Cristo diz que o cristão deve ser sal da terra, Jesus está nos exortando para que conservemos o Reino de Deus, conservemos a fraternidade, conservemos a fé, conservemos o amor.

Jesus, posteriormente disse: "Vós sois a luz do mundo". Naturalmente, a luz, ela não é acesa para ficar em qualquer lugar. A luz, ela é acesa para ocupar um lugar de destaque. Mas o lugar de destaque que a luz ocupa, não é para aparecer, é para beneficiar os outros que se encontram em casa.

Sendo assim, compreendemos perfeitamente o que Jesus disse e o que Jesus espera.

O sal quando é utilizado, ele desaparece, e ficam somente os efeitos do sal. Assim também deve ser o cristão. Após ser utilizado dentro do projeto de Deus, naquilo que Jesus Cristo espera, o cristão deve desaparecer e ficar somente os efeitos daquele tempero, bom e gostoso.

A luz também, ela não se beneficia. Ela beneficia os outros, os que estão em casa. Assim também deve ser o cristão no mundo em que vivemos, no solo em que pisamos, no ambiente em que estamos.

Sabemos também que a mensagem de Jesus Cristo converge para a unidade. Todos os cristãos devem dar as mãos, por que do contrário nós não seremos o sal, seremos uma pitada de sal que vai surtir apenas um pequeno efeito em uma determinada situação. Mas o desejo de Jesus é que sejamos sal, que estejamos juntos.

Também com relação a segunda metáfora, se nós não estivermos unidos, seremos apenas uma luz que brilha ou que ilumina uma ocasião. Não é o que Jesus almeja para nós. O que Ele prefere é que sejamos luz para iluminar o mundo. Por isso, precisamos dar as mãos.

A grande mensagem de hoje, consiste no compromisso cristão e na unidade dos cristãos. Que Deus, então, nos faça entender a sua palavra e colocar em prática no dia a dia de nossa vida, Ele que é Pai, Filho e Espírito Santo. Amém!

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Versículo do Dia

Informações


+ Rua São João, 1363, Lagoa Seca, Natal/RN.

+ Tel.: (84) 3615-2871

+ pascom@paroquiasaojoaonatal.org.br

+ Pároco: Pe. Marcelo C. Cruz

+ Secretaria: 08h às 11h | 13h30 às 17h30

Link's Úteis

Arquidiocese de Natal CNBB Vaticano
 Biblia Catolica Radios Net  Radio Sao Joao

 

!-- Piwik -->