SANGUE FECUNDO

Nosso sangue é formado por glóbulos vermelhos e glóbulos brancos. Os vermelhos, em maior quantidade, são constituídos de hemoglobina, que são responsáveis pela cor rubra do sangue. Mas o que nos interessa mais nessa reflexão é que a hemoglobina, grosso modo, é a responsável pelo transporte do oxigênio do ar para todas as células de nosso corpo. Aqui vem a beleza da coisa: o ar é o elemento do sopro e o sopro é o ruah do hebraico, ou o pneuma do grego, ou ainda o spiritus do latim. Isso é, o Espírito é o sopro de Deus em nós. Mas para que esse sopro seja levado até as rincões mais distantes e desconhecidos do nosso corpo, é necessário um transportador. E esse transportador é o sangue.

O sangue é, portanto, sinal de vida. Quando vemos nossos irmãos coptas (que significa egípcios) derramando seu sangue dentro de um templo cristão, sabemos que ali, ao contrário do que pensam muitos, florescerão rosas. Rosas de amor. Rosas de nosso Deus. O Senhor, no madeiro da cruz, derramou seu sangue, também para que a humanidade compreendesse que o sangue expulso do corpo mata o físico, mas não mata um ideal. Os primeiros mártires cristãos são testemunhas disso. A Igreja cresceu sem cessar por causa deles! Germinou o jardim onde seiva é vermelha.

JESUS E O MUNDO DA PÓS-VERDADE

No mundo da pós-verdade, construímos nossas convicções sobre areia movediça. Já não há solidez nas informações que lemos. Sempre citamos os recortes que nos agradam e com isso vai se criando um ciclo vicioso em que minha tese retroalimenta uma verdade virtual defendida por mim e por uma tribo formada por um pensamento que pode ser, inclusive, uma grande mentira.

Nesse ciclo, o perigo é se fechar a tal ponto de não admitir o contraditório. O diferente nos leva a uma reflexão que nos faz enxergar melhor a verdade (ela existe?). Hoje, passamos a ser torcedores da vida. Torcemos por um time, por uma ideologia, por um partido político/politiqueiro, por um anônimo de um reality show (ainda existe isso?). Assim, defendemos com unhas e dentes uma verdade criada no imaginário de um grupo.

AMAR COMO O OUTRO DESEJA SER AMADO

Estava pensando nesses dias sobre uma "regra de ouro" comumente evocada na formação moral de crianças e adolescentes, com plena eficácia também para adultos. Ela diz: "trate o outro como você gostaria de ser tratado". Tem seu mérito, mas é preciso cuidado. Sua aplicação indiscriminada pode ser desastrosa em nosso mundo atual. Por que digo isso? Porque estamos em um mundo em que os valores podem se distinguir inclusive na menor (quantitativamente) das sociedades: a família.

E é justamente na família que aprendemos a lidar com isso. Quem de nós nunca ganhou um presente da namorada, do namorado, que nos deixou em situação constrangedora?

Itinerário Catequético

Na preparação de adultos para recepção dos sacramentos da Iniciação Cristã (Batismo, Crisma e Eucaristia) se propõe um Itinerário Catequético. De acordo com o material disponibilizado pela CNBB em forma de livro, é possível construir etapas ou tempos de formação. Na paróquia de São João Batista, em Natal, estamos fazendo um piloto com o modelo também para jovens que se preparam para crisma, dentro da proposta da CNBB. Esse itinerário é composto de 4 tempos: pré-catecumenato, catecumenato, iluminação e mistagogia. Entre as fases sempre temos uma importante celebração. SIM, o povo de Deus sempre celebra! É o povo da alegria! Entre o pré-catecumenato e o catecumenato há o Rito da Admissão. Entre o catecumenato e a Iluminação há o rito da Eleição. E o início da mistagogia é marcado pela recepção dos sacramentos. Além disso, outros ritos são significativos para os jovens e para as comunidades onde eles se preparam. Na Iluminação, por exemplo, existem três escrutínios para os eleitos (aqueles que passaram pelo Rito da Eleição). Os escrutínios são compostos de duas fases de oração sobre os eleitos: uma no formato de preces e outra sob a presidência do sacerdote ou diácono. Opcionalmente, o sacerdote/diácono pode realizar a imposição das mãos sobre cada um dos eleitos, orando em silêncio. Os escrutínios são uma grande oportunidade de integração dos jovens na comunidade e marcam momentos especiais de oração da comunidade por aqueles que querem assumir uma fé adulta.

Graças ao bom Pai, e com o apoio de nosso pároco, estamos fazendo essa experiência que muito nos enriquece.

A FIGURA DO CORAÇÃO

A transfiguração de Jesus é um marco na vida dos apóstolos. Moisés, representando a Torá e Elias, representando os Profetas, estavam na cena. Ambos ladeam o Cristo. Ambos mostram que a lei e os profetas estão plenamente realizados em Jesus.

A cena é envolvente e os apóstolos não querem nem pensar em sair dali. Diante de Jesus, queremos mesmo é ficar com Ele. Mas a missão nos chama e temos de ir.

A cena acaba e só vamos tê-la na plenitude temporal após a ressurreição.

Versículo do Dia

Informações


+ Rua São João, 1363, Lagoa Seca, Natal/RN.

+ Tel.: (84) 3615-2871

+ pascom@paroquiasaojoaonatal.org.br

+ Pároco: Pe. Marcelo C. Cruz

+ Secretaria: 08h às 11h | 13h30 às 17h30

Link's Úteis

Arquidiocese de Natal CNBB Vaticano
 Biblia Catolica Radios Net  Radio Sao Joao

 

!-- Piwik -->