2ª-feira, 15 de Maio, 5ª Semana da Páscoa

Primeira Leitura: At 14,5-18

Naqueles dias, em Icônio:5 Pagãos e judeus, com seus chefes, tentaram apelar para a violência e apedrejá-los. 6 Conscientes da situação, eles foram se refugiar nas cidades da Licaônia, Listra, Derbe e seus arredores. 7 E ali também ficaram anunciando o Evangelho. 8 Havia em Listra um homem que sempre estava sentado, porque era aleijado das pernas. Coxo de nascença, nunca tinha sido capaz de dar um passo. 9 Ele ouvia Paulo falar. Este olhou bem firme para ele e percebeu que tinha a fé necessária para ser curado. 10 Então disse com voz forte: “Levanta-te, fica bem de pé!”.

Domingo, 14 de Maio, 5º Domingo da Páscoa

Primeira Leitura: At 6,1-7

1 Naquela época, o número dos discípulos aumentava e os que falavam grego começaram a se queixar contra os que falavam hebraico, porque suas viúvas estavam sendo esquecidas na distribuição diária de auxílios. 2 Por isso, os Doze convocaram a assembleia de todos os discípulos e disseram: “Não está certo deixarmos a pregação da palavra de Deus pelo serviço das mesas. 3 Por isso, irmãos, deveis escolher dentre vós sete homens bem conceituados, cheios do Espírito Santo e de sabedoria, e nós os encarregaremos dessa função. 4 Quanto a nós, continuaremos a nos dedicar todo o tempo à oração e ao serviço da Palavra”.

Sábado, 13 de Maio, 4ª Semana da Páscoa

Primeira Leitura: At 13,44-52

44 No sábado seguinte, foi quase a cidade inteira que se juntou para ouvir a palavra de Deus. 45 Vendo aquela multidão, os judeus ficaram cheios de inveja e responderam às palavras de Paulo com pesados insultos. 46 Enchendo-se então de coragem, Paulo e Barnabé declararam: “Era nosso dever pregar primeiro a vós a palavra de Deus. Mas já que a recusais, e não vos julgais vós mesmos dignos da vida eterna, então nos voltaremos para os pagãos.

6ª-feira, 12 de Maio, 4ª Semana da Páscoa

Primeira Leitura: At 13,26-33

Naqueles dias, tendo chegado a Antioquia da Pisídia, Paulo disse na sinagoga: 26 Irmãos, descendentes de Abraão e todos vós que adorais a Deus! É a nós que foi dirigida esta mensagem de salvação. 27 De fato, os habitantes de Jerusalém e seus chefes não reconheceram a Jesus; mas ao condená-lo, cumpriram o que foi anunciado pelos profetas que são lidos todos os sábados. 28 Embora não encontrassem nele motivo de morte, eles o condenaram e pediram a Pilatos que o mandasse matar.

5ª-feira, 11 de Maio, 4ª Semana da Páscoa

Primeira Leitura: At 13,13-25

13 Embarcando em Pafos, a caravana de Paulo chegou a Perge, na Panfília. Mas ali. João separou-se deles para voltar a Jerusalém. 14 Os outros, entretanto, foram além de Perge e chegaram a Antioquia da Pisídia. Num sábado, entraram na sinagoga e sentaram-se. 15 Acabada a leitura da Lei e dos Profetas, os chefes da sinagoga mandaram lhes dizer: “Irmãos, se tendes alguma palavra para exortar o povo, podeis falar”. 16 Então Paulo se levantou, fez sinal com a mão e disse: “Homens de Israel e todos os que temeis a Deus, escutai! 17 O Deus deste povo de Israel escolheu nossos pais e multiplicou o povo, enquanto habitava no Egito. Depois, os tirou de lá com grande poder. 18 Por quarenta anos mais ou menos, alimentou-os no deserto.

Versículo do Dia

Informações


+ Rua São João, 1363, Lagoa Seca, Natal/RN.

+ Tel.: (84) 3615-2871

+ pascom@paroquiasaojoaonatal.org.br

+ Pároco: Pe. Marcelo C. Cruz

+ Secretaria: 08h às 11h | 13h30 às 17h30

Link's Úteis

Arquidiocese de Natal CNBB Vaticano
 Biblia Catolica Radios Net  Radio Sao Joao