Secretaria: (84) 3615-2871 
        

2ª-FEIRA, 11 de Mar/2019, 1ª Semana da Quaresma

0
0
0
s2smodern
Evangelho: Mateus 25,31-46
 
Proclamação do evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus – Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 31“Quando o Filho do homem vier em sua glória, acompanhado de todos os anjos, então se assentará em seu trono glorioso. 32Todos os povos da terra serão reunidos diante dele, e ele separará uns dos outros, assim como o pastor separa as ovelhas dos cabritos. 33E colocará as ovelhas à sua direita e os cabritos à sua esquerda. 34Então o rei dirá aos que estiverem à sua direita: ‘Vinde, benditos de meu Pai! Recebei como herança o reino que meu Pai vos preparou desde a criação do mundo! 35Pois eu estava com fome e me destes de comer; eu estava com sede e me destes de beber; eu era estrangeiro e me recebestes em casa; 36eu estava nu e me vestistes; eu estava doente e cuidastes de mim; eu estava na prisão e fostes me visitar’. 37Então os justos lhe perguntarão: ‘Senhor, quando foi que te vimos com fome e te demos de comer? Com sede e te demos de beber? 38Quando foi que te vimos como estrangeiro e te recebemos em casa, e sem roupa e te vestimos? 39Quando foi que te vimos doente ou preso e fomos te visitar?’ 40Então o rei lhes responderá: ‘Em verdade eu vos digo que, todas as vezes que fizestes isso a um dos menores de meus irmãos, foi a mim que o fizestes!’ 41Depois o rei dirá aos que estiverem à sua esquerda: ‘Afastai-vos de mim, malditos! Ide para o fogo eterno, preparado para o diabo e para os seus anjos. 42Pois eu estava com fome e não me destes de comer; eu estava com sede e não me destes de beber; 43eu era estrangeiro e não me recebestes em casa; eu estava nu e não me vestistes; eu estava doente e na prisão e não fostes me visitar’. 44E responderão também eles: ‘Senhor, quando foi que te vimos com fome ou com sede, como estrangeiro ou nu, doente ou preso, e não te servimos?’ 45Então o rei lhes responderá: ‘Em verdade eu vos digo, todas as vezes que não fizestes isso a um desses pequeninos, foi a mim que não o fizestes!’ 46Portanto, estes irão para o castigo eterno, enquanto os justos irão para a vida eterna”. – Palavra da salvação.

Sábado, 16 de Fev/2019, 5ª Semana Comum

0
0
0
s2smodern

Evangelho: Mc 8,1-10

1Naqueles dias, como havia de novo grande multidão e não tinham o que comer, ele chamou os discípulos e lhes disse: 2 “Tenho pena deste povo! Há três dias eles permanecem comigo e não têm o que comer. 3 Se eu os mandar embora em jejum para suas casas, eles vão desmaiar no caminho, pois alguns vieram de longe”. 4Os discípulos responderam: “Como é que alguém poderia dar pão que os satisfizesse num deserto como este?”. 5 Ele então perguntou:“Quantos pães tendes?”. Responderam: “Sete”. 6Mandou então que a multidão se acomodasse no chão; tomou os sete pães, deu graças, partiu-os e os entregou aos discípulos para que distribuíssem. E eles os distribuíram ao povo. 7Tinham também alguns peixinhos; recitou a fórmula da bênção sobre eles e disse: “Distribuí também estes”. 8Comeram, ficaram satisfeitos e ainda recolheram sete cestos com os pedaços que sobraram. 9Ora, a multidão contava umas quatro mil pessoas. Ele as mandou embora. 10Em seguida entrou na barca com os discípulos, indo para a região de Dalmanuta.


6ª-FEIRA, 15 de Fev/2019, 5ª Semana Comum

0
0
0
s2smodern

Evangelho: Mc 7,31-37

31Ele partiu novamente da região de Tiro e voltou por Sidon, em direção ao lago da Galileia atravessando a região das Dez Cidades. 32Trouxeram-lhe certo homem surdo e gago. Rogavam-lhe que lhe impusesse a mão. 33Levando-o à parte, longe da multidão, colocou os dedos nos ouvidos dele e, com saliva, tocou a sua língua. 34Erguendo os olhos ao céu, deu um suspiro e disse-lhe: “Effatá”, isto é, “Abre-te!”. 35E os seus ouvidos se abriram imediatamente, e o nó de sua língua se desatou, de sorte que ele falava corretamente. 36Mas Jesus recomendou que não dissessem nada a ninguém. No entanto, quanto mais insistia, mais eles proclamavam o fato. 37Cheios até ao máximo de admiração, diziam: “Ele tem feito bem todas as coisas! Faz os surdos ouvirem e os mudos falarem!”


5ª-FEIRA, 14 de Fev/2019, 5ª Semana Comum

0
0
0
s2smodern

Evangelho:Mc 7,24-30

24Jesus saiu então dali e foi para a região de Tiro. Entrou numa casa e não queria que ninguém soubesse, mas não pôde ficar ignorado. 25Pois logo certa mulher, cuja filha estava possessa de um espírito impuro, ouviu falar dele e foi prostrar-se a seus pés. 26Esta mulher era pagã, de origem siro-fenícia, e pedia que expulsasse o demônio de sua filha. 27 Jesus respondeu: “Deixa que os filhos se alimentem primeiro; porque não é justo tirar o pão das crianças e dar aos cachorrinhos”. 28 Mas ela respondeu assim: “É verdade, Senhor. Mas também os cachorrinhos, que ficam debaixo da mesa, comem as migalhas das crianças”. 29 Jesus então lhe disse: “Por causa desta resposta, vai para casa: O demônio já saiu da tua filha”. 30Ela foi para casa e encontrou a menina deitada na cama: o demônio, de fato, já tinha saído.


4ª-FEIRA, 13 de Fev/2019, 5ª Semana Comum

0
0
0
s2smodern

Evangelho: Mc 7,14-23

14Convocou novamente o povo e dizia: “Ouvi-me, vós todos, e entendei! 15Nada existe fora da gente que entre em alguém e o possa contaminar. O que dele sai, isto sim é que o contamina”. 16Se alguém tem ouvidos para ouvir, ouça. 17Quando se afastou do povo e entrou de novo em casa, seus discípulos perguntaram-lhe o sentido dessa frase enigmática. 18Respondeu: “Também vós ainda não compreendeis? Não sabeis que tudo quanto entra de fora em alguém não o pode contaminar, 19porque não penetra no seu coração, mas no ventre, e vai para a fossa?” — assim ele declarava puros todos os alimentos. 20E continuou: “O que sai de alguém, isto é que o contamina. 21Porque é de dentro do coração do homem que saem as más intenções: prostituições, roubos, assassinatos, 22adultérios, cobiças, perversidades, fraudes, luxúria, inveja, calúnia, orgulho, insensatez. 23Todos esses males saem do interior e contaminam o homem”.

3ª-FEIRA, 12 de Fev/2019, 5ª Semana Comum

0
0
0
s2smodern

Evangelho: Mc 7,1-13

1 Os fariseus e alguns mestres da lei vindo de Jerusalém se ajuntaram perto de Jesus. 2 E notaram que alguns dos seus discípulos tomavam refeições com mãos impuras, isto é, sem as lavar. 3 Na verdade, os fariseus e os judeus, em geral, conforme as tradições dos antigos, não comem sem antes lavarem cuidadosamente as mãos. 4 E ao voltarem da praça pública, não comem sem antes se purificar, havendo ainda muitas outras práticas que observam por tradição, como lavar os copos, jarros e outros objetos de bronze, bem como os leitos. 5 Por isso os fariseus e os mestres da lei o interrogavam: “Por que não seguem teus discípulos as tradições dos antigos, mas tomam a refeição com as mãos impuras?”. 6 Ele respondeu: “Com muita razão Isaías profetizou a vosso respeito, hipócritas, como está escrito: Este povo me honra com os lábios,  mas seu coração está longe de mim. 7 É vazio o culto que me prestam,  e o que ensinam não passa de preceitos humanos. 8 Deixais de lado o mandamento de Deus e vos apegais às tradições dos homens”. 9 E lhes disse mais: “Vós abolis com muito jeito o mandamento de Deus para observardes a vossa tradição. 10 De fato, Moisés ordenou:  Honra teu pai e tua mãe e também: Quem amaldiçoar seu pai ou sua mãe  seja punido com a morte! 11 Mas vós ensinais: Se alguém disser ao pai ou à mãe: o auxílio que receberias de mim, eu o declaro ‘Corban’ (isto é, Oferta a Deus), 12 já não deixais que ele faça nada em favor do pai ou da mãe. 13 Anulais assim a palavra de Deus por causa das tradições, que passais de uns para outros. E fazeis ainda muitas outras coisas como essas”.


Versículo do Dia

Informações


+ Rua São João, 1363, Lagoa Seca, Natal/RN.

+ Tel.: (84) 3615-2871

+ pascom@paroquiasaojoaonatal.org.br

+ Pároco: Pe. Marcelo C. Cruz

+ Secretaria: 08h às 11h | 13h30 às 17h30

Link's Úteis

Arquidiocese de Natal CNBB Vaticano
 Biblia Catolica Radios Net  Radio Sao Joao

 

!-- Piwik -->